Servidores poderão converter férias em abono pecuniário, decide TJ-PI

Os servidores do Poder Judiciário poderão, a partir de agora, converter suas férias em abono pecuniário. A decisão é do Pleno do Tribunal de Justiça do Piauí (TJ-PI), que aprovou a Resolução 236 disciplinando a matéria.

Ari Lago, presidente da ANAJUS explica que na prática, os servidores poderão vender um terço de cada período de trinta dias de férias, observando as diretrizes da resolução aprovada.

“Os(as) servidores(as) interessados(as) em converter um terço do período de trinta dias de férias em abono pecuniário deverão manifestar suas intenções no momento de preenchimento da escala de férias”, detalha o presidente da ANAJUS.

Ari lago acrescenta que a efetivação da conversão das férias em abono pecuniário aguarda a publicação de uma portaria da Presidência, que vai orientar os servidores quanto ao procedimento.

CONFIRA A RESOLUÇÃO

Filie-se à ANAJUS-PI

Associações são instituições dotadas de personalidade jurídica privada formadas por pessoas que resolveram se unir, por vontade própria, em prol de um bem comum. São muitos os motivos para se tornar membro, mas o principal é o desejo de integração da categoria, na busca por vencer as diversas batalhas que os servidores enfrentam no dia a dia.

Quero me associar